26
07-2017

Exposição de Almir Bindilatti inaugura Museu da Costa do Dendê

  • Pedro e Paulo, moradores da região que participam da zambiapunga, uma manifestação folclórica que tem origem na cultura Bantu
  • Moradora da comunidade quilombola de Boitacara, também na Costa do Dendê
  • Praia de Garapuá, na Ilha de Tinharé, onde fica Morro de São Paulo, o mais famosos destino turístico da região
  • Convento e Igreja de Santo Antônio, obra-prima do barroco brasileiro que teve sua construção inciada em 1654 onde hoje é a cidade de Cairu, na Ilha de Tinharé
  • Visão do cais de Morro de São Paulo, com seu farol característico no ponto mais alto, um dos destinos de turismo mais procurados da Bahia

Está programada para o dia 6 de agosto, às 11h, a inauguração do Museu da Costa do Dendê de Cultura Afro-Indígena, no povoado de Cajaíba, município de Valença (BA). Sob os cuidados da Comunidade do Caxuté, o museu será aberto com uma exposição do fotógrafo Almir Bindilatti, que produziu imagens para retratar as pessoas e as belezas da região. A exposição abordará o patrimônio material, imaterial e ambiental da região por meio de fotos que mostram a diversidade ambiental, arquitetônica e as manifestações culturais tradicionais das comunidades da Costa do Dendê, como o zambiapunga, a capoeira, a burrinha e a marujada, além de pesquisas sobre quilombos e irmandades negras.

A iniciativa é apoiada pelo projeto Design Dialógico – uma Estratégia para a Gestão Criativa de Território, da estilista Márcia Ganem, que tem como objetivo potencializar projetos voltados para o desenvolvimento sustentável de cinco regiões baianas — Ilha da Itaparica, Valença, Maraú, Saubara e Chapada Diamantina — além de valorizar e capacitar iniciativas culturais de territórios que demonstrem potencial para a economia criativa. Instalado numa área de cerca de mil metros quadrados, a proposta do novo museu é mostrar a cultura Bantu e indígena ao público, além de dar voz às comunidades tradicionais da região, fortalecendo suas raízes culturais, históricas e ambientais.

0

 likes / 0 Comments
Compartilhe: